Omar Aziz anuncia investimentos de mais de R$ 75 milhões no interior

Borba, AM – O governador Omar Aziz concluiu, nesta sexta-feira (31), a agenda de visitas a municípios da calha do rio Madeira, com anúncio de investimentos de mais de R$ 75 milhões em Nova Olinda do Norte (a 135 quilômetros de Manaus) e na comunidade Foz do Canumã, localizada em Borba (a 215 quilômetros da capital).

Na semana passada, ele esteve em cinco municípios da região e anunciou obras e projetos da ordem de R$ 237 milhões.

Acompanhado da presidente do Fundo de Promoção Social (FPS) e primeira-dama do Estado, Nejmi Aziz, do vice-governador José Melo, de titulares de órgãos estaduais e deputados, o governador Omar Aziz anunciou investimentos que contemplam o setor primário, a educação, saúde, infraestrutura e assistência social em Nova Olinda, onde também foram entregues cerca de 500 equipamentos agrícolas para produtores rurais.

Na área de infraestrutura, um dos principais investimentos é na pavimentação de duas estradas que interligam comunidades onde vivem produtores rurais à sede de Nova Olinda. Entre as estradas que receberão melhorias estão a Fontineli-Canumã, com recursos de R$ 5 milhões, e estrada Curupira, cuja obra está orçada em cerca de R$ 12 milhões. “Trabalhamos um ano e meio para a obtenção desses recursos para ajudarmos o povo”, disse o governador, ao informar que as obras das duas estradas iniciam no mês de junho próximo.

Ainda na área de infraestrutura, Omar Aziz anunciou a recuperação da orla de Nova Olinda, que custará cerca de R$ 7 milhões e terá a licitação iniciada também em junho.

Na área da Educação o governador anunciou a construção de mais um Centro de Educação de Tempo Integral (Ceti), no valor de R$ 15 milhões, e de um núcleo da Universidade Estadual do Amazonas (UEA), com recursos da ordem de R$ 4 milhões. Também serão reformadas escolas e quadras poliesportivas. Na área da Saúde, o governador informou que serão entregues uma ambulância e uma ambulancha, além de um aparelho de mamografia. Nova Olinda também será contemplada com a campanha de vacinação contra o HPV para meninas de 11 a 13 anos de idade, que será iniciada em agosto.

O Governo do Amazonas vai, ainda, reformar o centro cultural de Nova Olinda, com investimentos de R$ 1 milhão, e reformar 31 casas de pessoas com deficiência como parte do programa de acessibilidade Viver Melhor – Habitação. Em parceria com o Governo Federal, Nova Olinda terá R$ 1,2 milhão para construção de 40 unidades habitacionais pelo Minha Casa, Minha Vida, e um aeroporto, construído com recursos federais, no valor de R$ 25 milhões.

“O importante é que eu sei que vou beneficiar pessoas fazendo estradas, fazendo escolas de tempo integral, fazendo o núcleo da UEA, investindo no setor primário, na piscicultura, na agropecuária, na área rural. Eu sei que pessoas serão beneficiadas e isso é o mais importante”, disse o governador.

Foz do Canumã – Na comunidade de Canumã, em Borba, Omar Aziz entregou implementos agrícolas para produtores rurais, beneficiando 197 famílias em um total de 17 comunidades. Durante a solenidade na Escola Estadual Nossa Senhora do Rosário, o governador determinou investimentos em Canumã em diversas áreas e ouviu reivindicações da população.

Entre as ações, Omar Aziz determinou a construção de uma quadra poliesportiva e a reforma do sistema de energia elétrica da escola Nossa Senhora do Rosário; a conclusão da obra da delegacia; a licitação para início da coleta de lixo; a aquisição de uma ambulância e uma viatura policial; e a reativação da fábrica de gelo dos pescadores, além da instalação de um posto bancário para o pagamento dos servidores estaduais.

Uma das comunidades mais desenvolvidas da região do madeira, Canumã sofre com o isolamento dos meios de comunicação. A localidade não possui sinal de telefonia e nem agências dos correios, o que obriga a população a buscar correspondências e documentos em endereços de familiares em Borba ou Nova Olinda do Norte.

“Vou intervir pessoalmente e pedir auxílio dos deputados para resolver esse problema. Vou conversar com as operadoras porque é preciso instalar uma antena de telefonia. Outra coisa importante é o serviço de correspondência, que vou conversar com os Correios para terem um posto aqui. Tem demanda para as duas coisas e isso vai facilitar muito a vida das pessoas”, disse Omar Aziz.

Em passagem por Canumã, Omar Aziz e a primeira-dama Nejmi Aziz visitaram o sítio da Associação Comunitária Agroextrativista, construído com apoio do Fundo de Promoção Social (FPS). A área reúne 19 famílias produtoras que desenvolvem horticultura, avicultura de corte e produção de ovos, piscicultura e ovinocultura e abastecem Canumã e comunidades dos arredores. Os produtores foram contemplados com implementos para melhorar diversas etapas da produção.

Para o avicultor Dorival Tavares, 47, a rabeta que ganhou será um dos primeiros passos para expandir a produção de ovos e levar aos principais mercados consumidores das redondezas. “Com essa rabeta, eu vou poder levar minha produção para Nova Olinda. O custo vai ficar mais barato para a gente, porque a gente paga catraia e acaba ficando caro. Agora, meu plano é fornecer não só para Canumã, mas para todas as outras comunidades aqui de perto”, disse.

“Isso é um incentivo para que a gente continue trabalhando na agricultura familiar. Repassar esses materiais vai ajudar bastante na agricultura e era isso que a gente esperava”, destacou o presidente da associação de produtores da comunidade, Claudomiro dos Santos.

Outra obra importante para Canumã é a pavimentação da estrada Fontinele-Canumã, que liga a comunidade ao município de Nova Olinda do Norte. Estratégica ao escoamento da produção da região e utilizada para o transporte da população, a estrada possui mais de sete quilômetros de extensão e terá suas obras iniciadas no dia dez de junho pela Secretaria de Estado de Infraestrutura.

Para o presidente da comunidade São Raimundo, José Costa Ribeiro, que mora há mais de 40 anos na vila formada ao longo da estrada, o asfaltamento é um sonho antigo dos moradores. “Vai melhorar cem por cento. Para toda a família e toda população dar escoamento da produção da calha. Mesmo a gente, em caso de doença, chama um carro e vem depressa porque a estrada tem condições. Fica mais fácil para trabalhar, ir lá fora. Quando chove não adianta a gente sair de casa”, disse.

Além de ser usada para o escoamento da produção agropecuária e o transporte de passageiros entre Canumã e Nova Olinda do Norte, os moradores também usam a estrada para caminhadas no final da tarde. É o caso do motorista Reginaldo Pereira, 58. “É uma renovação, uma obra importante para o município na qual vai beneficiar muitas pessoas, inclusive eu que gosto de passear nela, não só como pedestre, dirijo carro e moto e vai facilitar o trânsito na estrada. Eu acho que vai ser um grande benefício”.

“Já faz muito tempo que a gente espera porque quando é inverno ninguém passa, para transportar um doente aqui, às vezes, a gente atravessa de canoa, a estrada fica precária. Ela é muito útil aqui no Canumã e Abacaxi (comunidade). O pessoal é tudo transportado por aqui, na seca as outras estradas fecham”, disse o motorista Teodoro Gomes, 49, que faz o serviço de transporte de passageiros e cruza a estrada de barro várias vezes ao dia.

(Agecom) 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.