Manaus começa a sentir o impacto da onda de frio que atinge o Brasil

O manauara iniciou esta quarta-feira (24) sentindo os reflexos do fenômeno que atinge o país, provocando as temperaturas mais baixas registradas, pelo menos nos últimos 15 anos.

Uma chuva fina, acompanhada de ventos, fez muita gente recorrer ao armário em buscas de roupas mais fechadas.

A previsão do Sipam – Sistema de proteção e Vigilância da Amazônia – para o trimestre (junho, julho e agosto) indica clima frio no sul da Amazônia. A situação deverá provocar eventuais quedas bruscas de temperatura em grande parte dos estados do Mato Grosso, Rondônia, Acre e sul do Amazonas.

No início deste trimestre, os máximos de precipitação (valores acima de 300mm) concentram-se no Amapá, Roraima e noroeste do Amazonas, pela influência da atuação da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT). Já os mínimos de chuva (abaixo de 50mm) concentram-se no sul da Região Amazônica, principalmente no Acre, Rondônia, Mato Grosso, Tocantins, grande parte do Maranhão e do sul do Pará – esse será o período mais seco do ano nesses Estados. Com maior frequência, ocorrerão dias com valores mínimos de umidade relativa do ar abaixo de 30%. Já no meio e no final do trimestre (julho e agosto) a estação seca já terá se estabelecido nos estados, com precipitação inferior a 10mm mensais.

O resultado desta previsão indica a probabilidade de ocorrência de chuvas acima dos padrões climatológicos no noroeste do Amazonas e em grande parte do estado de Roraima. Chuvas abaixo do normal deverão ocorrer no nordeste do Maranhão, sul do Amapá e na região do Baixo Amazonas no Pará. Nas demais áreas da Amazônia as chuvas deverão ficar próximas aos padrões climatológicos, no início do trimestre.

As temperaturas são previstas acima dos padrões climatológicos em toda a porção sul do Amazonas e na região metropolitana de Belém e nordeste paraense e no Maranhão. O resultado desta previsão também sugere valores abaixo dos padrões climatológicos no sul de Rondônia e no sul e sudoeste do Mato Grosso. Nas demais áreas, a temperatura deverá ficar próxima aos padrões climatológicos, no decorrer do trimestre.

O Boletim Climatológico da Amazônia é resultado de análise e previsão climática realizada pelo Sistema de Proteção da Amazônia (SIPAM) todos os meses, com a participação de meteorologistas dos Centros Regionais do SIPAM em Manaus, Belém e Rondônia.

(Amazonianarede – Sipam) 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.