Luxa é agredido em confusão no Chile

Quando o Grêmio imaginou que o sofrimento teria fim com o empate em 1 a 1 com o Huachipato, uma confusão estourou no gramado do Estádio CAP envolvendo inicialmente os técnicos Vanderlei Luxemburgo e Jorge Pellicer, depois de forma generalizada.

O principal alvo foi o comandante do Grêmio, que foi perseguido pelo preparador físico Marcelo Rosemblat e por Pellicer. Na boca do túnel, foi ao chão e agredido por jogadores do time chileno.

A versão do técnico gremista é de que foi cumprimentar a arbitragem dentro do gramado. Rosemblat o questionou, já que na Arena ele havia reclamado do juiz quando cumprimentou Pellicer. Luxemburgo afirmou que “um dia você reclama, em outro não”. Na versão dos chilenos, Luxa teria dito que a comissão técnica adversária estaria de folga. Declaração esta negada pelo comandante gremista. Ao cair na boca do túnel, Arrue e outros jogadores agrediram o treinador gremista.

– Foi algo bem tramado antes. Veio do nada. Ele estava dizendo que eu disse que ele sairia de “vacaciones” (férias em espanhol). Não houve nada, foi algo premeditado. O treinador deles mostrou que é um desequilibrado. Já tinha mostrado. Fez a campanha porque merece. Mas um treinador de nível tem que se manter equilibrado em todos os momentos. Foi premeditado – disse Luxemburgo, que completou as críticas a Pellicer:

– Foi uma ação premeditada e lamentável. O treinador ficou chateado lá porque eu reclamei. Agora o senhorzinho lá, se pega em um outro momento, não dava para tentar me agredir. Como eu estou mais calmo, melhor não criar confusão. Dei azar que caí e aí um jogador me agrediu – completou.

O Twitter foi o meio que a repercussão da confusão mais tomou forma. Primeiro, a conta oficial do clube chileno escreveu:

– Com a cabeça mais erguida que nunca. Creme para as feridas, senhor Luxemburgo.

Curiosamente, na sequência, o desafeto do treinador, ex-atacante Edmundo, escreveu em sua conta no Twitter, sem citar nomes:

– Vc merece !! fdp – escreveu o ex-palmeirense, que apagou a mensagem logo depois.

Fonte – Lacenet 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.