Dilma chora e diz que fará “o que for preciso” para amenizar sofrimento das vítimas

Amazonianarede – iG

Santiago, Chile – Neste domingo (27/01), a presidente Dilma Rousseff cancelou toda a agenda na cúpula dos países da América Latina com a União Européia em Santiago, no Chile, por causa da tragédia em uma boate no município de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, que deixou ao menos 245 pessoas mortas, além de várias feridas.

Emocionada, a presidente disse, durante pronunciamento direto de Santiago, no Chile, que está com o povo de Santa Maria e o governo federal fará “tudo o que for preciso” para ajudar as vítimas. “Eu queria dizer à população do nosso país e de Santa Maria o quanto, nesse momento de tristeza, estamos juntos. E necessariamente iremos superar, mantendo a tristeza”, disse a presidenta com a voz embargada.

Presidente Dilma chora ao falar da tragédia 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.