Carrefour testa “paciência” de consumidores

Amazonianarede/Sérgio Costa
Texto e fotos

Manaus – O supermercado Carrefour, do Amazonas Shopping – Djalma Batista – está seguindo o mau exemplo de vários outros estabelecimentos do ramo e de algumas agências bancárias, não respeitando a lei das filas. No final da tarde de hoje (16) clientes aguardavam por mais de meia hora até conseguirem chegar a um caixa e efetuar o pagamento de suas compras. Dona Marina (58) é uma das consumidoras que se mostravam indignadas com a atitude da empresa. “Isso é um absurdo e acontece sempre. Eles não colocam funcionários para trabalhar e quem acaba pagando mais somos nós, que estamos aqui por necessidade de comprar mantimentos para casa.

A funcionária de um dos caixas abertos, Maria(nome fictício por motivos óbvios) falou à reportagem que isso é um fato comum na loja. “Eles demitiram vários funcionários, para reduzir as despesas e quem sofre somos nós que ficamos, pois trabalhamos por três o quatro, sem ganhar nada extra”, disse revoltada.

Um dos seguranças do supermercado ainda tratou o repórter com grosseria, ameaçando tirar o telefone celular de onde foram registradas as fotos.

Também não se tem notícia de nenhum tipo de fiscalização quanto ao cumprimento da lei das filas.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.