Arthur anuncia a liberação de R$ 1 milhão para o Carnaval

Amazonianarede – Semcom

Manaus – O prefeito Arthur Virgílio Neto anunciou o repasse de R$ 1 milhão para o Carnaval de Manaus deste ano, sendo R$ 125 mil para cada uma das oito escolas de samba do Grupo Especial. O anúncio foi feito após reunião com presidentes das agremiações, na tarde desta sexta-feira (18), na sede da Prefeitura. Há dois anos os grupos não recebiam investimento da administração municipal.
A previsão do prefeito é que o repasse seja efetuado na próxima semana, após resolução de questões burocráticas. O prefeito pediu, como contrapartida, que a escolas ajudem a manter a cidade limpa e que façam uma festa ordeira. “Eu quero agradecer, inclusive, a participação do Governo do Estado, que tem sido muito compreensivo ao longo desses anos ajudando o Carnaval amazonense, e desta vez de forma muito expressiva. Nós vamos juntos fazer muito mais por essa festa popular tão bonita”, afirmou o prefeito.
Arthur ressaltou que, a partir de agora, o Carnaval da cidade será programado com bastante antecedência. Além disso, o prefeito quer aproveitar a festa para incentivar o turismo. “Vamos planejar o Carnaval de 2014 agora no início deste ano. Vamos fazer uma convocação a empresas para participar, estudar uma forma de tornar essa festa uma atração turística de verdade. O Carnaval é uma manifestação de cultura que tem que ser exibida para o mundo”, declarou o prefeito.
O presidente da Escola de Samba Vitória Régia, Alexandre Marques, disse que o dinheiro ajudará bastante a agremiação. “É um repasse bastante justo, porque há dois anos as escolas de samba não recebem recurso da prefeitura. Nós o usaremos para pagar os nossos artistas. Vamos tentar dobrar de 500 para 1 mil o número de trabalhadores, pra adiantar nosso Carnaval e, no dia 9 de fevereiro, fazer um belíssimo desfile”, afirmou.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.