Amapá: técnicos planejam ampliação do Porto de Santana

A Companhia Docas de Santana recebeu em julho visita de comissão técnica da Secretaria Especial dos Portos (SEP), UNB, BNDES e Empresa Brasileira de Portos e Projeporto.

A visita teve como objetivo o início dos estudos para a realização de uma futura licitação para a área que atualmente é arrendada pela empresa Amcel.

Desde 1992 a área equivalente a 67 mil metros quadrados foi arrendada para a Amcel. O contrato que cede a área para a empresa de celulose venceu em fevereiro de 2012 e desde então está em carácter emergencial e sob análise da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq).

De acordo com o Plano de Desenvolvimento de Zoneamento do Porto Organizado de Macapá, o PDZ, a área destinada para licitação poderá ser dividida em duas partes. Dessa forma, abrirá concorrência para que novas empresas invistam no local.

Segundo o diretor presidente da CDSA, Edival Tork, várias empresas, principalmente do setor de agronegócio, já demonstram interesse de investimentos na área.

Além da licitação do espaço arrendado para a empresa Amcel, a CDSA também possui projetos que estão em análise da SEP.

Os projetos são para construção do 3º píer, um pátio para múltiplo uso. A expansão de novas cinco áreas para arrendamento já está em fase de conclusão.

“Para o desenvolvimento do estado do Amapá é preciso que o Porto de Santana cresça tanto em área quanto em montante de operações”, afirmou o presidente da CDSA.

Com a implantação dos projetos, estima-se que a movimentação de cargas na CDSA aumentará em quase 40%. E em até cinco anos dez mil novos empregos, diretos e indiretos, serão gerados no Amapá.

A previsão é de que a licitação da área arrendada para Amcel seja realizada ainda neste segundo semestre de 2013.

(Fonte: Diário do Amapá)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.